Siga-nos

Oeste

Rui Costa comenta sobre a situação de bares e restaurantes da Região Oeste

Publicado

em

Nesta terça-feira (1), o Governador da Bahia, Rui Costa, concedeu uma entrevista coletiva para veículos de imprensa da Região Oeste da Bahia. Ele comentou sobre vários assuntos importantes, entre eles a situação dos bares e restaurantes dos municípios da região.

De acordo com um levantamento realizado pelo Fala Barreiras, muitos donos desse estabelecimento tem reclamado que permanecem fechados, enquanto outros comércios, incluindo supermercados estão abertos e com aglomerações.

Ao ser questionado pelo editor Osmar Ribeiro sobre esse assunto, primeiramente, o Governador Rui Costa lembrou que a fiscalização dos locais nos quais há ocorrência de aglomeração cabe ao Poder Público Municipal de cada município.

“Eu estou pedindo, nas reuniões com o prefeito, que determinem, colem um adesivo bem grande na porta de cada estabelecimento, dizendo qual é o número máximo de pessoas que podem entrar ali simultaneamente e, portanto, facilitando que a população conheça esse número, a quantidade, e possa até fazer denúncia caso esse número seja ultrapassado”, ressaltou o Governador.

Em seguida, ele afirmou que, nesse momento, sua atenção está voltada para os inúmeros pedidos de ajuda que recebe de pessoas que estão lutando contra a COVID-19.

“Meus ouvidos estão atentos para o choro, para o pedido e para o desespero de quem está sofrendo no hospital ou de quem precisa de uma vaga hospitalar. Nesse momento, a minha sensibilidade humana me remete a dar a atenção que lutam pela vida e pela sobrevivência. Compreendo a situação da atividade econômica, mas, infelizmente, num momento desse, na condição de governador, de gestor público, eu tenho que fazer uma escolha. E a escolha que eu faço é para dar atenção e a ajudar a salvar vidas humanas

“, destacou Rui Costa.

O Governador da Bahia ainda lembrou que bares e restaurantes estão fechados porque o Governo Federal não adquiriu as vacinas contra a COVID-19 em meados de 2020. Além disso, embora o Governo da Bahia tenha conseguido adquirir doses da vacina Sputnik, esse imunizante ainda não foi aprovado pela Anvisa.

” Ele (Jair Bolsonaro) não comprou vacinas quando os laboratórios ofereceram. É por isso que o seu bar está fechado. É por isso que o seu restaurante tem que fechar mais cedo. É por isso que o seu comércio sofreu limitações, porque o presidente da república não comprou vacinas mais cedo. (…) Então tem nome e sobrenome o responsável pela sua dificuldade econômica”, declarou o gestor.

Rui Costa comenta sobre a situação de bares e restaurantes da Região Oeste

Seja integrante de nossos grupos de WhatsApp!
Falabarreiras Notícias 20
Falabarreiras Notícias 42
Falabarreiras Notícias 43

Fala Barreiras