Siga-nos

Bahia

Operação Florestal 2022 reúne órgãos estaduais para combate rápido a incêndios em toda a Bahia

Publicado

em

O Estado da Bahia lançou, na tarde desta quarta-feira (14), em Barreiras, na região oeste, a Operação Florestal 2022, que reúne ações de prevenção e combate às queimadas. O evento de apresentação das medidas foi realizado na Base Avançada do Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer). O trabalho será coordenado por uma força-tarefa do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA), da Secretaria do Meio Ambiente (Sema) e da Superintendência de Proteção e Defesa Civil do Estado da Bahia (Sudec).  

“Nosso objetivo é estar preparado para qualquer incêndio florestal no estado da Bahia. Decidimos esse ano montar quatro bases: em Juazeiro, Barreiras, Lençóis e Vitória da Conquista, bases essas que estarão equipadas com viaturas e profissionais capacitados para fazer frente a qualquer ocorrência”, destacou o comandante geral do Corpo de Bombeiros, Adson Marchesini.  

Estão envolvidos na operação mais de 150 bombeiros militares, além de brigadistas voluntários, uma frota de cem viaturas tipo caminhonete, com tração nas quatro rodas, e equipamentos como pás, foices, sopradores, enxadas e facões. Todo o estado está coberto pelas ações a partir das quatro bases operacionais para que as respostas sejam mais rápidas.  

As medidas incluem monitoramento de focos de calor, treinamento e distribuição de equipamentos para brigadistas e ampliação de recursos técnicos e profissionais especializados. Cursos e eventos para sensibilização de comunidades em áreas vulneráveis à ocorrência de incêndios também foram adotados como estratégia. A prevenção é o principal trabalho, por isso, a população também é convidada a colaborar comunicando os focos de incêndio, assim que forem identificados.  

Meio Ambiente e Defesa Civil 

Representando o governador Rui Costa, o diretor regional do Instituto Estadual do Meio Ambiente (Inema), Saulo Cavalcante, participou do lançamento e explicou que o órgão integra a operação realizando fiscalizações para coibir as queimadas ilegais durante o período crítico. “O pedido que a gente faz é que, neste momento, se evite usar o fogo. Não é proibido, mas é necessário que se tenha autorizações”

, acrescentou. 

Também presente no evento, o superintendente da Sudec, Coronel Miguel Filho, falou sobre o trabalho da Defesa Civil. “Nós trabalhamos em conjunto com as brigadas dando apoio. Estamos trazendo equipamentos de proteção individual, fardamentos para as equipes atuarem com mais segurança durante os incêndios”. A Polícia Militar também participa da operação através do Graer.  

Formatura

Durante o lançamento da Operação Florestal 2022, aconteceu também a formatura de 28 bombeiros militares concluintes da quinta turma do Curso de Prevenção e Combate a Incêndios Florestais (CPCIF), que inclusive, faz parte das ações da operação. Os três melhores alunos receberam o reconhecimento pelo desempenho durante a formação. O soldado bombeiro Hállan Coelho, do 9º Grupamento de Bombeiros Militar, de Juazeiro, ficou com o primeiro lugar. 

Secom Bahia | Foto: Elói Corrêa/GOVBA

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fala Barreiras