Siga-nos

Sem categoria

Agentes culturais de São Desidério são orientados em oficina sobre o acesso aos Editais do Fundo de Cultura 2014

Publicado

em

Por: Adinete Batista
Foto: Arquivo da Secult/Ba

01Com o objetivo de democratizar e orientar os agentes culturais sobre o acesso aos 21 Editais Setoriais e Demanda Espontânea do Fundo de Cultura da Bahia (FCBA), a Secretaria de Cultura do Estado (SecultBA) em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer de São Desidério realizou na última terça-feira, 07 no Centro Cultural Celso Barbosa uma oficina de orientação à participação nos editais do FCBA 2014.

Participaram os agentes culturais do município, a exemplo da companhia de teatro, Os Trakinus, conselheiros de cultura, e agentes de outros territórios, como Barreiras e Correntina.

O facilitador, Gelson Vieira, falou sobre os editais, o fundo, as regras da seleção pública da SecultBA, quais editais que estarão disponíveis pelo FCBA e quais são os critérios para ser proponente de um projeto cultural e suas responsabilidades, das questões sobre as etapas do processo seletivo e preenchim ento do formulário (acesso, identificação do proponente, descrição, objetivos, justificativa, metas, roteiro de execução, ficha técnica, planilha orçamentária e anexos). “São Desidério é um município rico em manifestações culturais, creio que daqui sairão projetos culturais que serão selecionados, pois estavam todos interessados, tiraram suas dúvidas e conheceram mais sobre os editais”, reforçou.

Serão investidos R$ 41 milhões no FCBA repartidos entre Editais Setoriais, Mobilidade Artística e Cultural, Eventos Calendarizados e Instituições Culturais. As inscrições estão abertas até o dia 21 de janeiro e poderão ser feitas pela internet através do Sistema Clique Fomento – siic.cultura.ba.gov.br e correios.

Pode participar do processo, pessoa física maior de 18 anos e pessoa jurídica que atue no exercício de atividades culturais, residentes na Bahia há pelo menos três anos.

A coordenadora da companhia de teatro, Os Trakinus, Daniela Pereira abordou a importância da participação na oficina. “Foi muito relevante esta orientação, uma vez que tenho interesse em inscrever a companhia, para tanto a oficina esclareceu ainda sobre a elaboração de projetos culturais, vamos participar e confiar que iremos ser selecionados, para investir nestes jovens e atrair os outros para a companhia e nos tornarmos multiplicadores culturais no município”, destacou.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *