Siga-nos

Dicas Culturais

Damares: Análise do CD “O Maior Troféu”

Publicado

em

capa

Damares, sem dúvidas é um dos grandes nomes da música gospel e tem um tremendo público resultante do “Sabor de Mel”.

A cantora vem provando o melhor nesses últimos anos , dando aula de Biologia e Geografia em suas canções e trazendo um dos melhores ritmos pentecostais do Brasil.

“O Maior Troféu” foi produzido por Melk Carvalhedo e Emerson Pinheiro. E a produção artística ficou por conta da Quartel Design. lançado pela Sony music.

02Vamos analisar faixa por faixa…

A vida Venceu:
Inicia-se com um pequeno brado á capela executado pelo back vocal: “A vida venceu, a vida venceu, a vida venceu”…
E logo percebemos a introdução da canção acompanhada por uma linda melodia de teclados. A canção é cheia de arranjos pentecostais e fala sobre a vitória de Jesus Cristo sobre a morte, que o próprio Cristo não se amedrontou em função da morte, e finalizou vencendo-a.
O refrão é bem temperado de frases não são chavões, e nos faz lembrar algumas canções do CD “Diário de um Vencedor”. Para iniciar um CD tão esperado como esse, a canção deixou a desejar. O final é melhor que o começo!

O Maior Troféu:
A canção tem dado o que falar nos últimos dias… E começa com uma breve palavra da cantora.
E seguindo levemente um piano, Damares começa a cantar com maturidade e sem exageros. Um dos pontos mais interessantes é a referência que a canção traz . O single fala que o nosso maior troféu é a salvação que conquistaremos em Cristo Jesus.
E quase se findando podemos perceber um chavão básico: “Aleluia, aleluia para sempre santo, santo eu irei cantar” … e até que caiu muito bem. Gostei e merece ser escutada sempre, por ser uma canção diferente de todas que já ouvimos da Damares!

Todo Olho Verá:
A canção já tem uma levada pop, com uma introdução bem exótica, e inicialmente trazendo muitos ”berros” na voz da Damares. A música fala sobre o arrebatamento, e pelo incrível que o pareça o refrão me fez lembrar “Ele Vem” da Lauriete, mas não há nenhuma semelhança melódica entre ambas.
A primeira escuta destaco a canção como “fraca” mas creio que com o passar do tempo estarei mais adaptado. Tanto que em alguns pontos a canção traz uma riqueza de arranjos.

Pode Ser Hoje:
A introdução é um pouco semelhante á “Deus dos Deuses”, sendo como tema a intensa adoração à Deus, e sobre a importância de clamar e adorar a ele como se fosse a última vez.
A música é recheada de chavões com umas partes clichês. O que o blogueiro tem contra a canção? NADA! Mas não é a que eu ainda quero perceber neste álbum.
E creio que pelos excessos de “Pode ser Hoje” essa música é uma forte candidata pra ser um grande hit.

A Essência do Adorador:
Começando com um som leve, teclados e arranjos, e uma p-e-r-f-e-i-t-a introdução vocal da Damares.
Ao decorrer da canção podemos perceber que teremos mais uma daquelas belas melodias. E trazendo um ar do CD “Escolhidos” da Elaine de Jesus para dentro do “O Maior Troféu”.
É um single de excelência, e trazendo um tema abordadíssimo que é a adoração. Tudo foi lindo, o início, meio e fim.
Não mudaria nada, está perfeita… inclusive é a melhor até aqui.

A Dracma e o Seu Dono:
Essa é uma das músicas mais esperadas do CD, tudo isso por conta da participação do Thalles .
O que me surpreendeu foi a maturidade do Thalles em cantar o estilo da Damar es, sendo o “Pentecostal” .
Em questão de interpretação não podemos esperar muito do Thaleco, mas o cantor tem “charme” na sua voz, e isso fez toda a diferença. Nos pintou algo bonito, e os sussurros foram sem exageros.
Por um momento até esqueci que Damares está cantando junto, é que a participação do Thalles despertara muita curiosidade na minha pessoa.
A canção também não fugiu do tema, e trouxe algo novo e caídas de notas em algumas partes… Sem dúvidas é incrível.

Adorador:
Até aqui podemos perceber que o álbum está dividido em dois temas específicos, sendo eles Arrebatamento (de 1 á 4) e Adoração.
E o que “Adorador” traz é adoração… Apesar, achei que a canção foi arrastada, e caída dentro de um balaio de chavões como: “Que não se vende” , ”que não se rende” , “que tem unção”…
Mas seria uma covardia em dizer que ela é “enche-linguiça”, muitos podem achar, mas a verdade é que não é!
Achei bonita.

Você mais Deus:
Trazendo uma introdução super esquisita, “Você mais Deus” traz aquela velha história de que alguém te humilhou e você caiu num mar de tristeza. E depois fala que chegou sua vez de vencer… o chavão “A vitória já é sua”… e…. uma mensagem bonita que já é muito vista no cenário pentecostal!
Mas muitos serão impactados por esta canção, pois vitória todos querem… Dízimo que é bom! NADA de devolver… rsrsrs (vigia crente) .

Sou Teu Deus:
“Render a ti, adoração e derramar meu ser… é o que meu coração deseja toda manhã”
Simplesmente me fez lembrar outra música totalmente diferente desta. E traz uma letra bem melancólica, com um refrão emocionante…
Umas das mais belas canções desse CD . Chorei até em escutá-la, tem unção, tem excelência vocal.
Faz lembrar canções de Raquel Mello também. Com esse CD creio que Damares conquistará novos admiradores .
O motivo da mudança é pelo fato do CD ser também produzido pelo Emerson, que achei totalmente espetacular e proveitoso.

Alto Preço:
É uma forte candidata para ser hit. Pois tem toda a essência que o circulo de oração das igrejas acostumam adotar. O refrão é bem pentecostal, e fala sobre a importância de “pagarmos o preço” para morar no céu.
O back vocal arrasou, o instrumental arrebentou e Damares divou .

Temporal de Poder:
No estúdio creio que os produtores fizeram uma batida no liquidificador com tudo o que Damares já cantou.
Trazendo fenômenos naturais, casos geográficos e etc .
A riqueza dos arranjos foi espetacular, e a desenvoltura do vocal foi tremenda… E estou crendo que esse será mais um hit, assim como o “Apocalipse”.

A oração de Jabes:
A canção traz a história de Jabes, que tinha quatro desejos… e pediu para Deus realizá-los.
Foi um belo resumo de história dentro de uma canção. É bem bíblica. Gostei;)

Davi ou Mical:
Esta é outra canção extremamente bíblica!
Trazendo um refrão “dançante” e típico da irmanzinhas do circulo de oração… Tendo em si uma letra conexa e descoladinha. E entendo que essa não poderia faltar no CD , mas tudo em excesso pode estragar (ainda bem que estamos no fim do disco).
Gostei do forrozinho!

Tô na Estrada :
E pra quem pensou que não teríamos “sertanejo universitário” neste CD, se enganou.
É bem envolvente, fala sobre a constância da fé em Cristo, e da importância de seguir a carreira assim como Paulo fez. E para surpreender duplamente fizeram uma leve mudança de sertanejo para um arrocha, Foi uma bela jogada de marketing, veremos juntos se dará certo.

Celebrando a Vida:
Dando jus ao título “Celebrando a Vida” tem uma levada dançante, e traz a belíssima junção entre Damares, Jotta A, Brenda e Anderson Freire.
O back vocal foi bem explorado, e a entoação do Anderson Freire ganhou destaque.
Um máximo!

Nota para o CD : 9

Destaques: “O Maior Troféu”, “A Essência do Adorador”, “A Dracma e seu Dono”, “Sou Teu Deus”, “Alto Preço” e “Celebrando a Vida”.

Fonte: http://falonacaragospel.blogspot.com.br

Osmar Ribeiro

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fala Barreiras