Siga-nos

Sem categoria

Bahia pede renovação do Estado de Emergência Fitossanitária no Oeste Baiano

Publicado

em

Josalto Alves | Ascom Seagri

Secretário de Agricultura da Bahia alerta para o perigo de pragas na região do Matopiba

Foto: Reprodução Jornal Grande Bahia

Foto: Reprodução Jornal Grande Bahia

A praga Helicoverpa armígera, que surgiu no Oeste da Bahia no início de 2013, causando prejuízos superiores a R$ 2 bilhões aos produtores de algodão, milho e soja da região, continua presente nas lavouras brasileiras, gerando apreensão e novos prejuízos, conforme relata o secretário da Agricultura da Bahia, Paulo Câmera. Ele manifestou essa preocupação através de ofício à Ministra da Agricultura, Kátia Abreu, reivindicando a renovação do decreto de estado de Emergência Fitossanitária para a Bahia, que expira em outubro próximo. O secretário pede ainda celeridade nos processos de registro definitivo
de produtos primordiais ao controle da Helicoverpa armígera, principalmente do Benzoato de Emamectina, o mais eficiente no combate a esta praga.

Paulo Câmera destaca a urgência em se tratar a questão, dentre outras razões, devido a agressividade da lagarta Helicoverpa armígera ser maior na região do Matopiba, porque o clima favorece seu desenvolvimento. O Matopiba é a nova fronteira agrícola do Brasil, e seu Plano de Desenvolvimento Agropecuário foi lançado no mês passado pela ministra da Agricultura. “Existem produtos químicos e biológicos que podem ser utilizados, porém apenas na condição de registro emergencial”, diz o secretário no ofício.

Durante a Bahia Farm Show, em Luiz Eduardo Magalhães, o diretor geral da Adab, Oziel Oliveira, que também assina o ofício encaminhado pela Seagri, conversou com a ministra sobre o assunto. A correspondência do secretário à ministra Kátia Abreu oficializa a preocupação do governo e dos produtores da região, bem como os argumentos pontuados pelo Grupo Operacional do Programa Fitossanitário da Bahia, formado pela Aiba. Abapa, Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab/Seagri), Fundação Bahia, Embrapa, Fundeagro, Aciagri, Mapa, Abacafé, Agrolem, Aprosem-Ba e Faeb.

Barreiras Notícias - Fala Barreiras