Siga-nos

Sem categoria

Bahia mostra superioridade diante do Figueirense e vence a primeira no Brasileirão

Publicado

em

Eudes Benício | Correio da Bahia | Ibahia

Lincoln e Fahel marcaram os gols do Tricolor na Arena Barueri

Lincoln abriu o placar para o Bahia em Barueri | Foto: Léo Pinheiro/Futura Press/Estadão Conteúdo

Lincoln abriu o placar para o Bahia em Barueri | Foto: Léo Pinheiro/Futura Press/Estadão Conteúdo

O Bahia carimbou a sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro. O conjunto tricolor funcionou diante de um desorganizado Figueirense e o Esquadrão garatiu o três pontos vencendo por 2 a 0 na noite deste domingo (27), na Arena Barueri, no estado de São Paulo. Superior durante a maior parte do duelo, o Tricolor abriu o placar com Lincoln, ainda no início, e ampliou no gol de Fahel, na segunda etapa.

A tabela de classificação ainda está embolada, mas o Bahia melhorou bastante o rendimento. Com três pontos, o time subiu para a nona colocação. Até o líder Fluminense, que tem seis, todos os outros times acima do Esquadrão têm quatro pontos. Acumulando a segunda derrota e um saldo negativo de gols, o Figueirense é o lanterna da rodada.

Na terceira rodada do Campeonato Brasileiro o Bahia joga em casa e no domingo (4) recebe o Botafogo, na Arena Fonte Nova, em duelo marcado para as 16h. Mas antes disso o time tem compromisso na Copa do Brasil. Na quarta-feira (30), às 21h, o Tricolor recebe o Villa Nova-MG, também na Arena Fonte Nova, para o jogo de volta, decidindo quem avança para a segunda fase. O próximo jogo do Figueirense é contra o Criciúma.

O jogo Quando a bola rolou na Arena Barueri, foi o Bahia quem tomou a iniciativa do jogo e começou melhor em campo. Firme na manutenção da posse de bola, o Esquadrão encaminhava o domínio inicial da partida, mantendo a troca de passes no campo de ataque e dificultando a saída do rival para o embate. Já melhor no confronto, não tardou à superioridade se refletir em gol. Na jogada pela direita da área, Fahel recebeu o passe, ligou o cruzamento para a segunda trave e Lincoln mergulhou no cabeceio para marcar.Com o gol, a equipe do Figueira tentou sair do cerco montado pelo domínio do rival, mas seguia com dificuldade para passar da zona intermediária e oferecer perigo na área do Bahia. A primeira boa chance do alvinegro catarinense só saiu aos 25 minutos e em um chute de fora da área. Marco Antonio mandou com força, próximo da meia-lua, mas só balançou a rede pelo lado de fora. O Esquadrão passou a ceder mais espaços para o rival, mas seguia perigoso nas chegadas no ataque. Outra boa oportunidade surgiu aos 35 minutos. Lincoln cobrou falta do canto esquerdo da área do Figueirense, procurou o ângulo direito no chute e a bola passa muito perto da meta.Com mais tranquilidade enquanto o Figueira não conseguia sequência nas jogadas, o Bahia passou a levar o jogo esperando pelo espaço para aplicar o contra-golpe no rival. A tática ainda rendeu algumas investidas, mas não com força suficiente para mudar a situação do placar.

Na volta para o segundo tempo o Esquadrão continuou na tática do jogo no contra-ataque e mostrava boa movimentação na troca de passes. O segundo gol quase saiu logo aos nove minutos, mas o travessão parou a bola chutada por Uelliton depois de boa troca de passes pelo lado esquerdo da área. Novamente no contragolpe, o Tricolor quase ampliou aos 20. Talisca cruzou na área, Rhayner acertou em cheio o cabeceio, mas Tiago Volpi fez grande defesa e salvou.

Assim como nos outros setores, a defesa do Figueirense não conseguia se entender e continuava dando espaços para as investidas do Bahia. O segundo gol acabou saindo depois de uma cobrança de falta de Lincoln. Ele levantou na área, Titi escorou de cabeça e Fahel apareceu na frente do gol para completar aos 29 minutos. Dois minutos depois, Talisca teve a chance de ampliar, mas desperdiçou. A bola sobrou limpa para ele na área, mas o chute cruzado não saiu no capricho e colocou para fora.

Sem oferecer perigo durante praticamente toda a segunda etapa, o Figueirense não dificultou a vida do Bahia, que depois de ampliar a vantagem só precisou administrar o resultado com uma marcação eficiente e garantir a primeira vitória na competição.

Figueirense 0 x 2 Bahia – 2ª rodada do Campeonato Brasileiro – Série A
Data: 27/4/2014, dom, 18h30
Local: Arena Barueri, São Paulo
Árbitro: Sandro Meira Ricci (PE/Fifa)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (SP) e Marcelo Carvalho Van Gasse (SP)

Figueirense: Tiago Volpi; Leandro Silva, Nirley, Thiago Heleno e Luan; Paulo Roberto, Marcos Assunção, Marco Antônio (Rivaldo) e Giovanni Augusto (Dudu); Vítor Júnior (Everaldo) e Éverton Santos. Técnico – Vinícius Eutrópio

Bahia: Marcelo Lomba; Diego Macedo (Roniery), Demerson, Titi e Pará; Fahel, Uelliton e Lincoln (Pittoni); Rhayner, Maxi Biancucchi (Rafinha) e Talisca. Técnico – Marquinhos Santos

Visited 1 times, 1 visit(s) today