Siga-nos

Brasil

PIX vai acabar? Corte no orçamento do Banco Central coloca sistema em risco

O corte total do orçamento destinado ao setor de Tecnologia do Banco Central inviabiliza o funcionamento do PIX. Entenda!

Publicado

em

O sistema de pagamento PIX, que ficou conhecido por realizar transferências bancárias de forma simples, rápida e gratuita, está correndo risco de ser paralisado. Isso pode acontecer se não houver uma mudança no repasse de verbas destinado ao setor de tecnologia do Banco Central.

Entenda o problema:

Por que o PIX pode parar de funcionar?

A questão é que o Orçamento do G overno Federal para 2021

tem enfrentado uma série de cortes e aumento de despesas, que tem provocado o adiamento de sua aprovação e queixas de vários setores da sociedade.

Entre os problemas encontrados no Orçamento 2021 está o corte de todo o orçamento destinado ao setor de Tecnologia do Banco Central. Porém, sem esse repasse de verbas, a Instituição Financeira não consegue rodar o sistema de pagamento PIX. Na prática, isso significa que, se o orçamento de 2021 para o setor não for restabelecido, o serviço vai parar de funcionar.

Agora, para solucionar esse e outros problemas do orçamento, o Governo Federal cogita furar o teto de gastos. Isso evitaria o corte das emendas parlamentares, que devem aumentar bastante neste ano.

De acordo com a jornalista Miriam Leitão, do Jornal O Globo, além de prejudicar o PIX, essa confusão no Orçamento 2021 aumenta percepção de risco fiscal e ainda provoca o aumento do dólar. Consequentemente, o mercado aumenta a desconfiança sobre a capacidade do Brasil de manter as contas em dia.

Seja integrante de nossos grupos de WhatsApp!
Falabarreiras Notícias 20
Falabarreiras Notícias 42
Falabarreiras Notícias 43

Fala Barreiras