Siga-nos

Brasil

O que fazer quando alguém bate no seu carro e foge?

Saiba o que fazer nessa situação, veja nossas principais dicas.

Publicado

em

O que fazer quando alguém bate no seu carro e foge

Um dos maiores problemas que as pessoas enfrentam no trânsito, sem nenhuma dúvida, é quando há um acidente, e o desespero sobre o que fazer bate de vez.

Infelizmente, com a loucura que é o trânsito, principalmente nas grandes cidades brasileiras, todos estão sujeitos a passarem por essa situação em algum momento, não é?

E quando acontece de alguém bater no seu carro e fugir, o que fazer em situações como essa?

Como essa situação é mais do que comum, resolvemos trazer esse artigo para mostrar como você deve agir perante ela.

Vamos lá!

O que fazer em caso de acidente?

A qualquer momento você pode estar sujeito a sofrer com a batida de carro, seja em uma vida rápida, durante uma viagem ou mesmo na rua da sua própria casa.

Não há nenhum motorista no momento que esteja totalmente livre dessa situação e todos sabem que ela traz bastante desgaste ao acontecer.

A primeira coisa a se verificar, no caso de um acidente de carro, é saber se ninguém se feriu na colisão.

Caso haja alguém que tenha ficado machucado, é preciso imediatamente ligar para o SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e depois para a polícia, de modo que eles possam socorrer a vítima.

O Boletim de Ocorrência ou B.O. pode ser feito ainda no local, mas caso não seja possível, é importante procurar uma delegacia para registrar a ocorrência.

Fuga após uma batida no trânsito

Algo que, infelizmente, ainda acontece com muita frequência é a pessoa responsável pela batida fugir do local do acidente.

Quando isso acontece, você precisa do contato de todas as testemunhas que viram o acidente, bem como deverá solicitar todas as imagens de câmeras presentes no local.

Ainda é indicado tirar fotos do acidente e obter outras provas que possam ser de grande contribuição para que o caso seja solucionado, e você não se prejudique mais ainda.

Há situações em que dá para identificar qual é a placa do carro do motorista responsável pelo acidente e assim é possível seguir o caso através da entrada em uma ação judicial.

Entretanto, existem casos em que o custo com a ação e a demora da justiça não compensam ir recorrer por via judicial, sendo apenas mais dor de cabeça.

A colisão e fuga é algo ilegal e está previsto no próprio Código de Trânsito Brasil (CTB).

Por isso mesmo o culpado pelo acidente sempre deve ficar no local onde ocorreu o problema para assim solucionar o caso da forma certa.

A pessoa que fugiu do local poderá ser processada, tanto por danos morais quanto materiais, e ainda poderá perder a carteira e o direito de dirigir, além de enfrentar processo criminal, caso haja vítimas.

Para você, a melhor coisa é que seu carro sempre tenha seguro, para evitar mais problemas e danos para o seu bolso.

A importância de ter um seguro de automóvel

Tudo isso deixa bastante claro como é importante ter um seguro de automóvel, algo que muitas pessoas ainda negligenciam.

Um seguro de automóvel ajuda a protegê-lo contra os mais diversos riscos que são inesperados, e que podem vir a acontecer durante o dia a dia com o seu veículo.

Roubo, furto ou acidentes ocasionados ou que envolvam terceiros garantem que o segurado não acabará no prejuízo.

Caso o seu automóvel tenha um seguro, isso irá evitar o grande desgaste de precisar encontrar, provar e processar o responsável pelo acidente.

Bastará a você acionar a seguradora responsável e explicar o que houve, para que seja possível consertar o carro, desde que a situação esteja incluída dentro do seguro que foi contratado.

Além de trazer auxílio a você no caso de acidentes, esse tipo de seguro é importante porque protege o seu veículo em outras situações, como pane elétrica e mecânica, alagamentos, roubo ou furto.

É preciso apenas que você escolha aquelas coberturas que realmente atendam às suas necessidades e será possível ver se totalmente livre de quaisquer problemas que venham a surgir no futuro.

Tudo isso é facilmente resolvido, bastando entrar em contato direto com a seguradora, que irá avaliar o sinistrado do carro e pagará o segurado após o ocorrido.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fala Barreiras