Siga-nos

Brasil

Cantor Chrystian morre aos 67 anos por infecção generalizada

Chrystian faleceu devido a pneumonia agravada; família e fãs lamentam a perda do ícone da música sertaneja

Publicado

em

Cantor Chrystian morre aos 67 anos por infecção generalizada

Chrystian, ao longo de sua vida demonstrou paixão pela música sertaneja | Foto: Fábio Nunes / Divulgação

Notícias do Brasil: O cantor Chrystian, integrante da famosa dupla Chrystian e Ralf, faleceu nessa quarta-feira (16) aos 67 anos, vítima de uma infecção generalizada decorrente de pneumonia agravada por comorbidades. A informação foi confirmada pelo Hospital Samaritano, em São Paulo.

“O motivo do óbito foi choque séptico (infecção generalizada) em decorrência de pneumonia agravada por comorbidades. A instituição se solidariza com os familiares e amigos”, diz a nota oficial do hospital.

Velório e despedida

A morte do cantor Chrystian foi confirmada pela família, que emitiu uma nota de agradecimento pelo apoio recebido de fãs, amigos e colegas de profissão. O velório está sendo realizado em São Caetano do Sul, na Grande São Paulo, reunindo familiares e admiradores do artista.

“É muito triste, é inexplicável. Fazia quatro anos que não o via, porque nossos shows não coincidiam. Mas ele é meu irmão, isso é muito importante”, declarou Ralf, seu parceiro musical e irmão, visivelmente emocionado.

Histórico de saúde

Nos últimos anos, Chrystian enfrentou diversos problemas de saúde. Em fevereiro deste ano, ele foi internado no Hospital do Rim, em São Paulo, devido a um diagnóstico de rim policístico. Preparava-se para um transplante de rim, cuja doação seria feita por sua esposa, Key Vieira, mas a cirurgia foi adiada para o final de 2024 devido a complicações.

Durante os exames pré-operatórios, Chrystian precisou passar por um cateterismo, o que exigiu o uso de medicação para afinar o sangue, impossibilitando a realização imediata da cirurgia.

Carreira e legado

Chrystian, nascido José Pereira da Silva Neto, iniciou sua carreira ainda criança, aos seis anos, em Goiânia. Seu talento precoce lhe rendeu um programa de televisão chamado “Pinguinho de Gente”. Nos anos 80, ele e Ralf formaram a dupla Chrystian e Ralf, conquistando sucesso nacional com hits como “Chora Peito” e “Amargurado”.

A família ressaltou que Chrystian dedicou 60 anos de sua vida à música sertaneja, levando alegria e emoção a fãs em todo o Brasil. “Sua voz inconfundível e sua paixão pela música trouxeram alegria e emoção aos fãs em todo o Brasil”, disse a nota.

Chrystian deixa dois filhos e um legado imenso na música sertaneja brasileira. Sua partida é uma grande perda para a cultura musical do país, mas sua obra permanecerá viva nos corações dos fãs.

Falabarreiras, notícia é pra sempre!