Siga-nos

Brasil

Atual Ministro da Casa Civil fez campanha para Lula e chamou Bolsonaro de fascista

Na sucessão presidencial em 2018, Ciro Nogueira fez campanha para o PT e subiu o tom ao se referir a Bolsonaro…

Publicado

em

Ciro Nogueira

Ciro Nogueira | Foto: Divulgação / Agência Senado

Não é novidade para ninguém a mudança de rumos do governo Bolsonaro ao se aproximar do grupo político denominado Central, com objetivo de navegar em águas mais calmas, principalmente no parlamento e melhorar assim a governabilidade.

Uma prova disso foi a nomeação do Senador da República, Ciro Nogueira (PP-PI), um dos principais líderes do Centrão, como ministro chefe da Casa Civil. O ato foi publicado na edição da última quarta-feira (28) no “Diário Oficial da União” (DOU).

O que chama atenção nessa nomeação é que o novo ministro da Casa Civil, fez campanha para Lula nas eleições de 2018 e já chamou Bolsonaro de “fascista” e “preconceituoso”. Naquela oportunidade, o diretório nacional do PP apoiou Geraldo Alckmin, mas Ciro foi às ruas de Teresina com Fernando Haddad, que na época ainda seria vice-presidente de Lula, pedindo votos para o PT.

Durante entrevista à TV Norte no final de 2017, ou seja, durante a campanha eleitoral, Ciro Nogueira chamou o atual chefe do executivo de fascista e preconceituoso. “O Bolsonaro, eu tenho muita rejeição porque é fascista. Ele tem um caráter fascista, preconceituoso. É muito fácil você ir para a televisão dizer que vai matar bandido”.

Questionado sobre o ex-presidente Lula, naquele momento político do país, Ciro respondeu que o petista foi “o melhor presidente da história desse país, principalmente para o Piauí e para o Nordeste”. O atual ministro da Casa Civil, destacou ainda que, foi Lula que tirou o povo brasileiro da miséria e ratificou que o ex-presidente era seu preferido no pleito em 2018.

Seja integrante de nossos grupos de WhatsApp!
Falabarreiras Notícias 20
Falabarreiras Notícias 42
Falabarreiras Notícias 43

Barreiras Notícias - Fala Barreiras