Siga-nos

Bahia

Horário de toque de recolher é reduzido em toda a Bahia

Além de alterações no horário do toque de recolher, Governo do Estado autorizou o retorno do funcionamento das academias. Saiba mais!

Publicado

em

Após reunião entre o Governador da Bahia, Rui Costa, e prefeitos, o Governo do Estado decidiu modificar as medidas restritivas para conter o avanço da COVID-19 no território baiano. Entre as medidas está a alteração do horário do toque de recolher. As novas orientações foram publicadas no Diário Oficial do Estado na última sexta-feira (2).

Veja o que muda com o novo decreto:

Toque de recolher

De acordo com o novo decreto, o início do horário do toque de recolher foi alterado. A partir desta segunda-feira (5) até dia 12 de abril, a circulação de pessoas no período noturno volta a ser proibida entre 20h e 5h. Atualmente, a medida começa mais cedo, às 18h.

Com a alteração do toque de recolher, comércio também muda

Com a redução do período do toque de recolher, os comerciantes terão mais tempo para manter seus estabelecimentos abertos. No entanto, eles devem fechar seus comércios até 19:30 h, fechando com 30 minutos de antecedência para que seus funcionários tenham tempo de retornar para suas casas antes do início do toque de recolher.

Contudo, no caso de restaurantes, bares e similares, nada muda. Eles continuam com autorização de funcionamento presencial somente até às 18h. Após esse horário, a venda de alimentos pode ocorrer apenas através de delivery (serviço de entrega) até 00h.

Vale lembrar que todos os estabelecimentos seguem proibidos de vender bebida alcoólica, inclusive por delivery, das 18h de 9 de abril até as 5h de 12 de abril.

Academias abertas

O novo decreto também autoriza a reabertura das academias em todo o estado. A medida é válida entre 5 e 12 de abril. Porém, nesse período esses estabelecimentos devem funcionar com, no máximo, 50% da capacidade do local, observando todos os protocolos sanitários estabelecidos.

O que não mudou?

Mas nem tudo mudou com o novo decreto. As igrejas continuam com autorização para funcionar com capacidade máxima de 30% de público, respeitando todas as orientações sanitárias.

Além disso, eventos e festas de qualquer natureza, com qualquer número de participantes, bem como práticas esportivas coletivas continuam proibidas até o dia 12 de abril.

Para conferir o texto do novo decreto na íntegra, acesse o site abaixo.

DECRETO Nº 20.358

Toque de recolher

Seja integrante de nossos grupos de WhatsApp!
1.Falabarreiras Notícias 01
2. Falabarreiras Notícias 02
3. Falabarreiras Notícias 20
4. Falabarreiras Notícias 42

Fala Barreiras