Siga-nos

Bahia

Governo do Estado investe R$ 50 milhões em editais de ciência, tecnologia e inovação

Com seis editais abertos, o objetivo principal é fomentar e apoiar projetos voltados para os diversos setores da CTI

Publicado

em

As áreas de ciência, tecnologia e inovação (CTI) são fundamentais para o desenvolvimento econômico do estado. Fomentar projetos nesses setores é de suma importância. Por isso, o Governo do Estado, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa da Bahia (Fapesb), que é vinculada à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), tem feito grandes investimentos para financiar ideias de CTI. Neste momento estão abertos seis editais com financiamento total de cerca de R$ 50 milhões.

A secretária interina da Secti, Mara Souza, ressalta a importância de investir e apoiar as ideias e os projetos dos cientistas e empreendedores baianos. “São editais que fazem diferença no trabalho de muitos pesquisadores de todo o estado e também na vida da nossa população. O nosso objetivo é fomentar a ciência, tecnologia e inovação e incentivar o empreendedorismo para fortalecer o desenvolvimento econômico e social da nossa Bahia”, disse, ressaltando que, em breve, novos editais devem ser lançados no escopo do programa Bahia Competitiva.

Para o diretor de Inovação da Fapesb, Handerson Leite, a diversidade de objetos e setores contemplados nos editais lançados demonstram o compromisso da Fundação em estruturar uma política de Estado para ciência e tecnologia. “Nós fomos buscar as melhores práticas internacionais que hoje estão baseadas no tripé pesquisa em rede, espaços compartilhados e retorno para a sociedade. A partir disso, estruturamos um conjunto de editais que serão muito provavelmente o esteio para que o estado avance cada vez mais na sua política de CTI”.

Confira os Editais disponíveis:

Fortalecimento das áreas naturais
A preservação do meio ambiente é fundamental para a continuidade da humanidade. Por isso, a nova edição do “Teia de Soluções” tem o intuito de financiar e incentivar ideias inovadoras que contribuam para a preservação da natureza na Bahia. Com investimento de R$ 600 mil, a chamada está com inscrições abertas até o dia 2 de junho.  

Inovação na Educação
Apoiar a ciência é fundamental para o desenvolvimento de jovens cientistas. Logo, o melhor lugar para formar esses novos pesquisadores são as escolas. O Inovação na Educação chega para apoiar e financiar pesquisas inovadoras que nascem dentro dos colégios estaduais. O edital, que conta com o apoio da Secretaria de Educação (Sec), tem o investimento de R$ 2 milhões. As inscrições estão abertas até 27 de junho.

Agricultura familiar
O Edital Apoio à Inovação na Agricultura Familiar, que tem o aporte de R$ 3 milhões, vai financiar projetos inovadores que desenvolvam ou aprimorem tecnologias na produção agrícola familiar. As propostas devem ser submetidas por doutores e mestres que tenham vínculo permanente ou empregatício com Instituição Científica, Tecnológica e de Inovação (ICT), pública ou privada sem fins lucrativos, localizados em território baiano. O edital fica disponível para inscrição até 28 de junho.  

Empreendedorismo inovador
Sabe quando você tem aquela ideia inovadora, mas não tem o recurso? Então, o edital Centelha II é para você!  Com o aporte total de R$ 4,3 milhões, a chamada irá selecionar e financiar até 50 propostas inovadoras e tecnológicas. Cada projeto contemplado irá receber até R$ 60 mil, mas o beneficiário precisa ter mais de 18 anos. As inscrições estão disponíveis até o dia 05 de julho.

Centros de referência de ensino
O edital Institutos Estaduais de Referência em Ciência e Tecnologia da Bahia (Incite) conta o investimento de R$ 30 milhões e marca um novo momento no financiamento do ensino, pesquisa e extensão no estado. Serão estruturas em rede com objetivo de diagnosticar e elencar os principais problemas território baiano em cada uma das quinze áreas estratégicas presentes no edital. Inscrições abertas até 8 de julho.

Transformação digital
Empresa 4.0 é um edital milionário que visa financiar a transformação digital e inovação nas organizações com atuação no estado, além de promover a integração entre Instituições de Ciência e Tecnologia (ICTs) e empresas baianas. O financiamento é de R$ 10 milhões, beneficiando 220 empresas, entre micro, pequena e médio porte, sendo R$ 300 mil para cada. É possível realizar as inscrições até o dia 12 de julho.

Se interessou por alguma chamada? Você pode encontrar as informações completas na aba editais do site da Fapesb. 


Foto: Carol Garcia/GOVBA

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fala Barreiras