Siga-nos

Agro

Feira em Baixa Grande mostra força da agricultura familiar do Território de Identidade Bacia do Jacuípe

Publicado

em

Por: Josalto Alves – DRT-BA 931

Adenios (rosa do deserto), flores originárias do deserto da áfrica

Adenios (rosa do deserto), flores originárias do deserto da áfrica

(Baixa Grande – BA) – Agropecuária pautada na convivência com seca, trabalhando a sustentabilidade da agricultura familiar no semiárido baiano, que compreende mais de 60% da área do Estado. Esta foi a tônica da 5ª Feira Regional de Agricultura Familiar, II Feira de Economia Solidária da Bacia do Jacuípe e 6ª Feira do Mel, realizada neste fim de semana em Baixa Grande, na Praça Manoel Ribeiro Soares. Destacando que a agricultura familiar é prioridade para o governo Jaques Wagner, o secretário estadual da Agricultura, engenheiro agrônomo Eduardo Salles, afirmou que “eventos como esses são importantes porque permitem maior sintonia com os produtores e dão suporte para o crescimento desse segmento”.

Ao lado do prefeito Pedro Lima Neto e do secretário municipal de Agricultura, Reinaldo Brito de Carvalho, Salles percorreu todos os estandes e conversou com os produtores. Participaram da feira agricultores familiares de Baixa Grande, Capela do Alto Alegre, Mairi, Quixabeira, Nova Fátima, Itaberaba, Ipirá, Ruy Barbosa, Miguel Calmon e Capim Grosso, dentre outros municípios da região.

Ele lembrou que foi através do contato direto com os pequenos criadores da região e da articulação com o governo municipal “que identificamos as demandas e, por exemplo, conseguimos implantar em Baixa Grande, com o apoio da prefeitura, um dos 22 Pólos Emergenciais da Conab para venda de milho subsidiado para cerca de 20 municípios da região, minimizando as perdas de animais devido a seca prolongada”. Ele informou que “somente este pólo já vendeu mais de dois milhões de quilos, ou 33,4 mil sacas de milho, o que representa quase 70% da quantidade de milho vendida através deste programa em todo o Estado nos anos anteriores” O milho subsidiado é vendido a R$ 18,12 a saca, enquanto que o preço no mercado chega a ser maior que R$ 50,00. “Isso comprova que, unindo forças e com objetivos comuns, os governos municipal, estadual e federal podem efetivar ações estruturantes que beneficiam a população mais carente”, analisou Salles.

“A realização destes três eventos em paralelo mostra o quanto nossa administração tem olhado para o fortalecimento da agricultura familiar. Não é só com o evento. Conseguimos máquinas e insumos desde janeiro, investimentos em equipamentos e criamos mecanismos para melhorar a vida do produtor de nossa cidade e região”, comemorou o prefeito Pedro Neto.

Uma das novidades da feira foi a exposição de Adenios (rosa do deserto), flores originárias do deserto da áfrica, que estão sendo produzidas no município de Ipirá. O projeto é desenvolvido pelo engenheiro agrônomo Júlio Villar, na Fazenda Terumy.

Fonte: Ascom Seagri

1 Comentário

1 Comentário

  1. gilberto OLIMPIO

    22 de julho de 2017 às 13:50

    Gostaria do contato da fazenda terumy. Pode enviar p [email protected]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Barreiras Notícias - Fala Barreiras