Siga-nos

Esporte

Cristópolis: Torneio de estilingue reúne dezenas de competidores em Sítio do Hermenegildo

O objetivo do torneio, além da disputa, é a conscientização dos jovens sobre o uso da baladeira

Publicado

em

Informações e fotos Flávio Vasco

Uma brincadeira que fez parte da infância de muita gente e se transformou em esporte, chamou a atenção de várias pessoas e atraiu dezenas de competidores para uma divertida competição no sábado (17), na comunidade de Sítio do Hermenegildo, no município de Cristópolis, o primeiro Torneio de Baladeira. Trata-se de um instrumento milenar, muito usado na antiguidade por caçadores e guerreiros em batalhas e que hoje com a conscientização da sociedade para a preservação, a antiga arma está sendo usada para uma prática esportiva que já é ”febre” em várias regiões do Brasil, e agora chega ao Oeste baiano.

Com formatos variados, feitos normalmente de madeira, borracha e couro, a baladeira é uma mistura de arma com brinquedo e também está presente nas tradições dos povos indígenas, ela muda de nome de acordo com o lugar, também é chamada de estilingue, atiradeira, bodoque, seta, fisga e outros. A disputa faz com que muitos adultos voltem aos tempos de criança, no entanto, é uma competição que tem regras, tem até um juiz que atentamente acompanha todas as “jogadas” dos competidores que procuram atingir o alvo.

Nesta primeira edição do torneio, participaram cerca de 84 competidores. Após intensa disputa, o título de vencedor ficou com o jovem Guto, representante da comunidade local, que recebeu das mãos dos organizadores, um prêmio em dinheiro no valor de R$ 200,00.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Barreiras Notícias - Fala Barreiras