Siga-nos

Música

MÚSICA!
Cantor e compositor, Maurício Faísca, lança em Barreiras EP “Águas que Lutam”

Show está marcado para acontecer nesta sexta-feira, (12), e vai contar com participação de outros artistas locais…

Publicado

em

Águas que Lutam

O EP “Águas que Lutam”, reúne sete faixas e é de autoria do multiartista, Maurício Faísca. O lançamento será nesta sexta-feira, (12), às 22h30 na TRIBU`S Kebaberia – Music Bar, momento de apreciar um repertório composto por músicas de autoria e inéditas, de Maurício Faísca, que também vai apresentar canções que trazem influência da música negra brasileira, baiana, norte americana, jamaicana e da Música Popular Brasileira.

A proposta do Show “Águas que Lutam” parte de uma linha poética, lúdica e encantada, estética crítica e inquietante. É construída com base no diálogo que o Oeste tem com as águas. Maurício Faísca é natural de Salvador e sempre esteve envolvido em trabalhos voltados para o fortalecimento da arte e cultura negra, e quando veio para Barreiras há sete anos para assumir a vaga de professor efetivo no IFBA, trouxe consigo a paixão pela arte e pelas águas. Em Salvador, apreciava o mar, e aqui encontrou água doce em abundância para a alegria de quem desde menino convive com as águas.

“O destino me trouxe para um dos lugares onde tem mais água doce na Bahia. Aqui chegando é a forma de me conectar com a cidade, é pensar numa canção, é pensar essas águas, é pensar essa entidade, esse Orixá. De antemão eu escrevo uma música que fala sobre a cidade de Barreiras, sobre as águas da cidade e que também fala e celebra essa conexão com a minha religiosidade, que chama o Brilho do rio, que está neste EP”, disse. 

Maurício diz ainda que na composição do EP existem canções que dizem respeito ao mar e a água doce. “Eu sou esse corpo entre dois mundos, o mundo litorâneo e o mundo das águas doces. Então esta junção e esta trajetória artística sempre esteve intermediada por essas águas, essa vivência e essa relação com as águas”, conta.      

O lançamento do EP terá participação de outros artistas de Barreiras, a exemplo de Bosco Fernandes, Banda Milho Crú, Banda Remanescentes, e Tiago Amaral.

“A expectativa que eu tenho é que este show seja uma grande celebração junto aos amigos que eu fiz em Barreiras, os admiradores das minhas produções artísticas e a classe artística para que a gente possa celebrar junto esse momento que é a realização de um álbum que tem vivências, que surge a partir da minha relação com essa cultura, com a cultura do Oeste da Bahia, que surge a partir de afetividades trocadas com artistas, com cantores e músicos. Eu espero que seja um show extremamente afetivo”, finalizou.

Águas que Lutam

.

Fala Barreiras