Siga-nos

Educação

As instituições de ensino superior de Barreiras vão aderir ao projeto Verticaliza?

O projeto tem como objetivo proporcionar aos estudantes o aproveitamento dos estudos dos cursos técnicos de nível médio para os cursos superiores de tecnologia…

Publicado

em

Projeto Verticaliza

Prédio do Ministério da Educação, em Brasília/DF | Foto: Reprodução Anec

Verticaliza é o nome do projeto lançado pelo Ministério da Educação (MEC), por meio da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) que visa proporcionar aos estudantes o aproveitamento dos estudos dos cursos técnicos de nível médio para cursos superiores de tecnologia.

Podem aderir ao projeto Verticaliza, as instituições de ensino superior das redes estaduais, municipais, distrital e federal que ofertam cursos técnicos e superiores de tecnologia, além dos Sistemas Nacionais de Aprendizagem e instituições privadas, militares, comunitárias e confessionais.  Para isso, as instituições que desejam aderir ao projeto, terão o período de 1º de abril a 31 de maio de 2022.

O curso é organizado em seis módulos consecutivos, totalizando 180 horas de atividades para cada participante, com duração de 03 meses e capacitará 260 profissionais da educação, de 65 instituições, para a construção de projetos pedagógicos de cursos que possibilitem o aproveitamento de estudos desenvolvidos por meio dos cursos técnicos em cursos de nível superior de tecnologia. 

Por meio do curso ofertado pelo Verticaliza, o participante que for aprovado nos seis módulos receberá o certificado de Aperfeiçoamento Tecnológico, emitido pelo IFSP.A ideia da medida é capacitar profissionais da educação para desenvolver planos instrucionais que possam aproveitar os cursos técnicos feitos durante o ensino médio.

Em Barreiras, algumas instituições de ensino superior ainda desconhecem o projeto Verticaliza ou não irão aderir ao Projeto. A Faculdade Dom Pedro, por exemplo, é uma das que não irá aderir. Vale lembrar que o projeto vai atuar de duas formas, na oferta de cursos técnicos de nível médio e no aproveitamento de estudos em níveis superiores. Nesta primeira etapa do projeto, as instituições de ensino devem se cadastrar para ofertar vagas.

As instituições que aderirem ao projeto poderão escolher entre os seguintes eixos tecnológicos: controle e processos industriais; desenvolvimento educacional e social; informação e comunicação; infraestrutura; militar; produção alimentícia; produção cultural e design; produção industrial; recursos naturais; segurança; turismo hospitalidade e lazer; ambiente e saúde e gestão e negócios. Enquanto os cursos superiores tecnológicos podem ser conferidos no Catálogo Nacional de Cursos Superiores Tecnológicos.

Portanto, as universidades de ensino superior de Barreiras que desejarem fazer a adesão ao projeto Verticaliza, ainda poderão se cadastrar até o dia 31 de maio de 2022.

Fala Barreiras