Siga-nos

Construção Civil

Saiba qual a estrutura mais utilizada pela Construção Civil em Barreiras

O concreto é um dos materiais mais usados na construção civil e a escolha correta desse material contribui para a qualidade da obra e ainda pode promover economia de tempo e dinheiro…

Publicado

em

Construção Civil

Casa construída com estrutura metálica | Foto: Reprodução Aço Plano

Com o desenvolvimento da tecnologia e do conhecimento do homem sobre a engenharia, diversos tipos de estruturas foram surgindo para suprir as necessidades da construção civil. Atualmente, o alto custo do material fez com que os profissionais da construção civil buscassem soluções para conseguir superar maiores vãos, diminuir o consumo de concreto, construir de maneira mais rápida, tudo isso foi se tornando cada vez mais necessário e é muito importante que os responsáveis pela obra saibam quais são as melhores soluções para cada tipo de necessidade.

Atualmente, os 3 tipos de estruturas na Construção Civil mais usados são: estruturas metálicas, concreto armado e madeira. Vale destacar que cada um apresenta suas vantagens e desvantagens no mercado da Engenharia. Há ainda sistemas estruturais híbridos ou mistos que combinam soluções integradas em mais de um dos materiais citados. Para saber qual é a melhor opção para a obra, o profissional precisa levar alguns pontos em consideração, como tipo de solo da fundação, porte da construção, tipo de obra, condições ambientais e, claro, orçamento disponível para a construção.

Todos esses pontos irão influenciar diretamente na atuação do material escolhido. Vale lembrar que a opção do método estrutural é uma das questões de maior importância em um projeto, já que impacta de modo consistente no orçamento. Entre os elementos da estrutura encontrar pilares, fundações, vigas, lajes e outros.

Embora existam muitos tipos de estrutura para serem usados em projetos arquitetônicos e em toda a construção civil, alguns modelos são mais utilizados pelos profissionais. Em Barreiras, O concreto armado é o tipo de estrutura mais utilizado e consiste em uma combinação de concreto com barras de aço. Entre os tipos de estrutura, ele apresenta um grande destaque pela sua resistência, eficiência e durabili dade. Ou seja, é uma garantia de que não haverá problemas estruturais tão cedo quando bem executada. Suas principais características são:

O concreto armado é formado, primeiro, por barras de aço. As peças são produzidas pela indústria siderúrgica, por meio da liga metálica entre o ferro e o carbono. Unidos, os produtos criam um material de intensa resistência e dureza, perfeito para as mais variadas áreas da Construção Civil. Já o concreto é produzido por meio de mistura entre cimento, areia, pedregulhos, pedras britadas e água. Nessa composição, também são adicionados aditivos, como aceleradores, corantes, fibras, sílica ativa, cinza de casca de arroz e outros.

Construção Civil
Estrutura de madeira | Foto: Reprodução Benzor

Por ser um modelo comum, os materiais podem ser achados em qualquer loja de construção. Além disso, o concreto armado apresenta um bom custo-benefício em mão de obra e se ajusta a todos os modos. A durabilidade da estrutura do concreto armado é uma das suas principais características. Seu uso dispensa a necessidade existência de um número muito grande de vigas ou pilares pois a estrutura pode suportar sozinha o espaço de grandes vãos.

O uso do concreto armado acontece nas mais variadas estruturas da Construção Civil. Por isso é importante definir o uso do concreto comum ou protendido. Diferentes, o concreto armado comum e o protendido são indicados para obras também diferentes. O tipo comum do produto é muito utilizado para edifícios, residenciais. O protendido, por sua vez, é sugerido para edifícios que necessitam de grandes vãos entre pilares. Assim como pontes e grandes shoppings centers.

No âmbito das estruturas, uma outra metodologia, dentre várias opções que surgiram ao longo do tempo, foi a dos elementos pré-moldados. Tal modalidade é aplicada com frequência para empreendimentos como os galpões industriais, que priorizam a velocidade de construção. Como tais estruturas são fabricadas antes de terem seu uso propriamente definido, as etapas de fôrma, concretagem, desforma e cura ocorrem dentro da fábrica, respeitando-se a normas vigentes, sendo necessário apenas a instalação das peças na construção desejada. Esse é o principal atrativo dos pré-moldados, com a redução de tempo na construção, também são reduzidos os insumos gastos e a mão de obra na fase da superestrutura.

Mas, conforme informa o pedreiro e Jean Oliveira, funcionário da Solare construtora em Barreiras, o pré-moldado ainda é pouco utilizado na cidade. “O gasto no início da obra se torna bem mais alto que o concreto armado além disso esse tipo de estrutura ainda não está disponível em todos os locais, a necessidade de transporte a longa distância pode inviabilizar o uso de pré-moldados”, Comenta Jean.

Construção Civil
Estrutura em concreto armado | Foto: Reprodução Escola Engenharia

Sendo assim para escolher o tipo de material que vai estruturar o imóvel, é fundamental ter cuidado e auxílio de um especialista no ramo da Construção Civil para calcular o custo-benefício do tipo de estrutura para cada tipo de construção. Mais que isso, é interessante conhecer as vantagens e desvantagens de cada um para fazer a escolha correta.

Fala Barreiras