Siga-nos

CARRO E MOTO

5 dicas para lavar o carro sem danificá-lo

Publicado

em

Todos sabem a importância de realizar uma manutenção preventiva no veículo, porém, quando o assunto é lavar o carro, poucas pessoas entendem o porquê é preciso fazer isso regularmente.

Seja para uso próprio ou trabalho, manter o carro limpo e bem higienizado melhora muito a experiência de viagem do motorista e passageiros. Mas cuidar da higiene do veículo nem sempre é tarefa fácil.

No entanto, assim como as empresas precisam realizar manutenção de extintores nível 1 2 e 3 para garantir que tudo esteja em ordem, a limpeza e higienização do veículo permite um maior conforto e segurança para todos.

Para manter o carro limpo, somente água e sabão não são suficientes, é preciso fazer uma limpeza adequada e, para isso, existem alguns detalhes que fazem total diferença.

Qual a importância de lavar o carro?

É comum que as pessoas pensem que um carro sujo é só aquele que está com lama por toda parte ou algo do tipo, porém, deixar o carro exposto ao sol, muito tempo parado ou até mesmo usar com frequência contribui para que ele tenha alguma sujeira.

Poeiras, restos de asfalto, pequenos vazamentos de óleo, farelos de alimento e coisas do tipo também acabam sujando o carro e é preciso ficar atento a isso, pois alguns resíduos podem prejudicar muito o veículo.

Isso porque a sujeira em excesso pode danificar a pintura e lataria do carro, o que dificulta sua conservação a longo prazo. Além disso, uma má higienização pode prejudicar bastante a saúde do motorista e passageiros.

Se o veículo não estiver adequadamente higienizado, fungos e bactérias podem se acumular no interior do carro e causar diversos tipos de doenças.

Outro problema muito comum, principalmente em empresas que trabalham com veículos, é lidar com o tipo de piso que os carros têm contato, pois alguns pisos podem sujar muito os pneus e atrapalhar a locomoção, aumentando o risco de derrapamentos e outros acidentes.

Nesses casos, é preciso que a organização tenha uma sinalização de piso industrial para evitar possíveis acidentes relacionados a isso e faça uma limpeza e higienização constante de seus veículos de transporte, principalmente os de matéria-prima.

Contudo, quando se fala em lavar o veículo, é preciso considerar tanto as partes externas quanto as internas, pois apesar de ambas servirem para deixar tudo mais limpo, o método para isso é diferente.

É ideal que uma higienização do carro considere todas as partes do veículo, prestando atenção principalmente nos detalhes como:

  • Filtros de ar;
  • Estofados;
  • Carpetes;
  • Tapetes;
  • Painéis.

Esse processo de higienização tem diversas vantagens e pode ser adotado como obrigação por um fabricante de fogareiro ferro fundido redondo devido à preocupação de manter os itens e motoristas bem durante todo o transporte.

A higienização, além de garantir que tudo fique limpo, livre de fungos e outras impurezas, ajuda a manter um cheiro agradável no veículo.

Já quando o assunto é limpeza externa, os cuidados ajudam o automóvel a ficar muito mais atraente, pois um carro limpo e bem cuidado sempre chama a atenção.

Essa limpeza e cuidado externo com o carro também é muito benéfico para empresas como as de comunicação visual que trabalham com windbanner gota, pois ao chegar em seus clientes para fazer a aplicação dos materiais, precisam garantir uma boa aparência.

Além disso, cuidar da limpeza e higienização do carro é uma maneira muito inteligente de proteger o investimento. Isso porque um carro limpo e bem cuidado ajuda a preservar seu valor por mais tempo e se eventualmente o dono quiser vendê-lo, terá mais chances disso.

A limpeza do veículo também ajuda a manter seu brilho por mais tempo, já que a sujeira em excesso prejudica a lataria do carro e ainda passa um aspecto velho e desgastado.

Outro ponto importante em manter a higiene do carro é no quesito segurança, pois manter os para-brisas, espelhos e luzes de sinalização limpos é essencial para que tanto o motorista do veículo quanto os outros vejam com mais facilidade.

A limpeza constante do automóvel também ajuda manter as peças em bom funcionamento, porém, alguns pontos como as fechaduras das portas podem ser danificadas, mas caso aconteça, é preciso fazer a troca de fechadura o quanto antes.

Sendo assim, ao realizar a limpeza e higienização do veículo, é preciso fazer o uso consciente de água para evitar desperdícios.

Como lavar o veículo sem gastar muita água

O consumo de água consciente é algo que tem chamado cada vez mais a atenção das pessoas devido a importância de economizar para não ter prejuízos futuros. Dessa forma, lavar o carro de modo que gaste o mínimo possível de água é essencial.

Esse ponto é principalmente crucial quando se trata de empresas como as de fechamento de sacada que já fazem o uso constante de água para diversos outros quesitos, e quando se trata da lavagem de veículos é ainda mais necessário economizar.

Já em caso de lavar o carro em domicílio, é imprescindível tomar alguns cuidados para evitar o desperdício e não aumentar o consumo de água. Principalmente quando se trata de pessoas que moram em condomínios.

Em muitos condomínios, a conta de água é incluída na taxa fixa condominial e, com isso, é recomendado por administradora de condomínios residenciais que os moradores façam a lavagem e higienização dos veículos gastando o mínimo de água possível.

Sendo assim, é viável lavar o carro com produtos de lavagem a seco, pois são a melhor opção por não usar uma gota sequer de água no processo de limpeza do automóvel. Essa é uma forma bem mais sustentável de lavar o carro e ainda economizar com a conta de água.

Mas ao optar pela lavagem a seco, é fundamental escolher produtos com rotulo bopp transparente que identifiquem sua qualidade para que não haja risco de danificar a pintura nem a superfície do veículo.

Os produtos que são utilizados para essa lavagem a seco costumam ser a cera e o pano de microfibra, aplicados com pouca pressão na limpeza.

Outra opção muito econômica é usar produtos de limpeza biodegradáveis e diluí-los apenas em um borrifador com água. Com isso, basta usar um pano de microfibra e espalhar o produto pela lataria e, em seguida, enxugá-la com o pano.

Passo a passo de como lavar o carro

Primeiramente, deve-se saber que manter alguns cuidados durante esse processo é essencial.

Isso porque a falta de higiene pode fazer com que o fungo se acumule no carro. Além disso, a sujeira pode favorecer o surgimento de diversos vírus, inclusive o coronavírus.

Ademais, a falta de manutenção atrapalha a estética do carro. Então, é importante saber como deixar o carro super limpo, cheiroso e conservado. Por isso, em seguida, algumas dicas serão dadas para ajudar a lavar o carro sem danificá-lo.

1. Lave o carro sobre a sombra

Lavar o carro sob o sol pode ser completamente prejudicial para a lataria, porque o sabão acaba por secar mais rápido.

Então, é preciso procurar um lugar fora do sol para estacionar e fazer a lavagem do veículo. No entanto, procure sempre por um local bem iluminado para facilitar o processo.

2. Espere a lataria esfriar

Se o carro estava sob o sol, é preciso esperar a lataria esfriar antes de começar o processo de lavagem, pois como citado anteriormente, a temperatura alta junto ao sabão pode danificar a pintura do veículo.

Sendo assim, a lataria do carro deve estar sempre em uma temperatura fria na hora da lavagem. Então, em dias de calor muito intenso, é recomendado esperar o carro esfriar ou optar por lavá-lo à noite.

3. Comece sempre a limpeza por cima

Comece sempre a limpar de cima para baixo. Isso porque a sujeira mais espessa tende a se acumular na parte inferior do carro.

Dessa forma, limpe primeiro todo o teto. Dessa forma, a sujeira descerá para as peças que não foram limpas. Em seguida, mova-se para a frente e, finalmente, para trás e para os lados.

Para manter seu carro brilhante e protegido, é importante usar produtos específicos para limpar todas as partes do carro.

4. Higienize a parte de dentro do carro

Ao lavar o carro, não se esqueça do interior. Limpe tudo, desde estofados, painéis, laterais de portas e até o carpete.

Depois de aspirar, higienize com os produtos recomendados e um pano de microfibra. Esse processo garante proteção contra diversos tipos de fungos, bactérias e ácaros no carro.

Esses micróbios são responsáveis ​​por doenças respiratórias e alergias. Então é importante proteger. Além disso, os painéis são uma preocupação, pois ficam muito expostos à luz solar e podem acumular sujeira.

Evite também lavar o interior do veículo com água porque a secagem leva mais tempo. Além disso, mofo e cheiros ruins podem aparecer no carro.

5. Cuide também do estofado

A limpeza de estofados previne ácaros, fungos e problemas respiratórios. O processo também proporciona uma fragrância agradável e proteção duradoura.

Para limpar os bancos do carro, conte com escovas e escovas macias para remover a sujeira acumulada em locais de difícil acesso. Para garantir uma limpeza mais eficiente, a impermeabilização pode ser muito interessante.

Dessa forma, a impermeabilização da cadeirinha protege o interior dos líquidos. A tecnologia também evita manchas causadas pela impregnação de substâncias pastosas, poeira e sujeira.

Considerações finais

Manter um veículo limpo e higienizado é importante para garantir a segurança e integridade do automóvel a longo prazo.

Portanto, busque sempre realizar os cuidados necessários para que ele se mantenha bem cuidado e dure por muito tempo.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Fala Barreiras